SIM, É EXATAMENTE O QUE EU JÁ SINTO !!!

 

"Amados amigos,


Entramos no Navaratri hoje (17/09/2017), um período de adoração à Grande Mãe Universal nas formas de Durga, Lakshmi e Saraswati, que representam três poderes, três aspectos da experiência humana que precisam ser alinhados com o dharma (propósito da alma): ação, amor e conhecimento. No total serão dez dias: três dedicados à Durga, o aspecto que purifica a ação; três dedicados à Lakshimi, o aspecto que purifica o coração; e três dedicados à Saraswati, o aspecto que purifica a língua. O décimo dia é o dia da vitória.


Esse é um momento muito auspicioso, no qual temos a chance de mergulhar fundo nos mundos internos, e entrar em contato com aquilo que ainda precisa ser compreendido e transformado, para podermos dar alguns passos em direção à morada sagrada. É também um ótimo período para a prática de austeridades inteligentes, que são exercícios para o redirecionamento da vontade consciente. A principal austeridade que estou propondo é a prática do silêncio, compreendendo que o silêncio é a fundação que sustenta o templo da consciência.


Para alguns, será um processo de cura e transformação, um processo de queima karmica. Para outros, será como um repouso, uma forma de descansar no seio do Absoluto, para poder reabastecer, renovar os votos, e fortalecer o poder da vontade.


Um grupo estará aqui em Alto Paraíso, se dedicando a essa austeridade dentro do retiro de silêncio, mas a grande maioria não poderá estar aqui. Tenho recebido muitos pedidos de pessoas que gostariam de estar aqui, mas infelizmente temos uma limitação estrutural e um número limitado de vagas.


Então, para aqueles que não podem estar fisicamente presentes (porque somente o corpo estará lá fora, mas a consciência estará aqui), mas se sentem conectados com esse trabalho, eu quero propor uma prática, um sadhana (prática espiritual) muito simples; um exercício que está ao alcance de todos: 5 minutos em silêncio por dia, divididos em períodos de um minuto.


Venho repetindo esse comando, mas alguns continuam se esquecendo. É incrível o esquecimento do ser humano. Mas, o que estou propondo é justamente uma prática de lembrança de si mesmo – por somente cinco minutos ao dia. Você escolhe os momentos em que fará silêncio (um minuto antes do café, um minuto antes de ir para o trabalho...), mas é fundamental que haja disciplina.
Procure realizar essa prática todos os dias no mesmo horário, e lembre-se de que mais importante do que estar em silencio é a lembrança de estar em silêncio.


Precisamos nos comprometer com a lembrança de nós mesmos. Fazemos parte de um grupo de almas que já começa a compreender que a felicidade não está fora, mas sim dentro de nós. Ainda somos um pequeno grupo, mas estamos trabalhando para que isso mude. Chegou o momento de realizarmos uma revolução na consciência - chegou o momento de espalhar o perfume do amor. E isso só é possível através do comprometimento com o silêncio.


Um único minuto é suficiente para iniciar a maior revolução que este planeta já conheceu. O silêncio evoca a consciência e a transformação, ele é a base.


Repito: mais importante do que o cultivo do silêncio, é a lembrança de estar em silêncio. A lembrança de si mesmo é a chave. Esse é o comprometimento com a luz, com a verdade. É a porta de saída do labirinto da mente. Esse é o sadhana que estou propondo, pois assim poderemos redirecionar os vetores da vontade.


Eu lhe garanto que se fizer a sua parte durante esses dias, você receberá uma bênção. Sim, eu estou lhe dando garantias. Essa é a linguagem que o ego conhece, então vamos fazer um acordo: O que você quer? Se você puder colaborar para fazer deste mundo um lugar melhor, nós podemos fazer um acordo. Parece até que estou brincando, não é? Experimente.


Eu lhe convido a se comprometer com essa prática, por você e pelo mundo em que você vive. Somente cinco minutos para desconectar da matrix; para sair da mente coletiva compulsiva. Somente cinco minutos de presença.


Realize essa prática durante os próximos dez dias e caso sinta os vetores da vontade se movendo dentro de você, estenda a prática para vinte e um dias; depois 40 dias, depois três meses. Se puder fazer por três meses, você terá completado um ciclo, e esse esforço consciente será transformado em um estilo de vida. Então você começará a saborear o silêncio.


Faça essa experiência. O que você tem a perder? Talvez um pouco de sofrimento. Tenho certeza de que você dá conta. Vinte e um dias, um pouco de sofrimento; quarenta dias, mais um pouco... Em três meses você estará rompendo a identificação com a falsa ideia de quem é você; estará abrindo uma porta de acesso aos reinos celestiais internos.


Mais claro do que isso eu não posso ser. Agora é com você.


Abençoado seja cada um de vocês. Que possamos nos comprometer com a luz através desse sadhana (prática espiritual).


Namaste!
Com amor e bênçãos,
Sri Prem Baba"

 




COMENTÁRIOS
Nome completo*
Comentário*
E-mail*


About Me


Simone Las Casas tem 28 anos é formada em direito e pós graduada em gestão de negócios. Movida pela paixão por Spa's hoje é consultora na empresa Expertise Spa Consulting.

SEARCH

hey!... Least 3 characters.

INSTAGRAM


PINTEREST